Veículos elétricos a bateria da China beneficiam de subvenções

No âmbito do inquérito em curso, a Comissão concluiu, a título provisório, que a cadeia de valor dos veículos elétricos a bateria (BEV) na China beneficia de subvenções desleais, existindo um risco

BEV nwl

de prejuízo económico para os produtores de BEV na UE. O inquérito examinou igualmente as consequências e o impacto prováveis da aplicação de medidas para os importadores, os utilizadores e os consumidores de BEV na UE.

Consequentemente, a Comissão contactou as autoridades chinesas para debater as conclusões do inquérito e explorar formas possíveis de resolução dos problemas identificados em conformidade com as regras da OMC.

Neste contexto, a Comissão divulgou previamente o nível dos direitos de compensação provisórios que tencionava impor sobre as importações de veículos elétricos a bateria (BEV) provenientes da China.

Caso as negociações com as autoridades chinesas não resultassem numa solução eficaz, esses direitos de compensação provisórios seriam aplicados a partir de 4 de julho através de uma garantia (cuja forma seria decidida pelas autoridades aduaneiras de cada Estado-Membro).

Na sequência do exposto, foi agora publicado o Regulamento de Execução (UE) 2024/1866 da Comissão, de 3 de julho de 2024, que institui um direito de compensação provisório sobre as importações de novos veículos elétricos a bateria, concebidos para o transporte de passageiros, originários da República Popular da China.

Saiba mais aqui.

Localização

Lisboa
Av. Guerra Junqueiro, 11 - 2º Esq.
1000-166 Lisboa

Coordenadas GPS:
38.738587, -9.135574
Mapa

Contacte-nos

Lisboa
email: animee@animee.pt
Tel.: 218 437 110
Fax: 218 407 525